#8 Aprendizados ao criar o maior clube de vinhos do mundo

Entrevista com Rogério Salume, fundador da Wine

“A gente colocou a Wine no ar com 60 dias, começamos faturar em 2 meses.”

Rogério Salume é fundador e chefe do Conselho da Wine, a maior loja de vinhos da América Latina e uma das maiores de e-commerce do mundo! Ele compartilha com a gente suas descobertas e aprendizados, além dos perrengues que precisou passar.

“A primeira pessoa para quem precisamos vender é para si mesmo, todos os dias.”

“Errar não é uma coisa feia. O erro existe e tem que ser compreendido e você precisa aprender com ele para melhorar.”

Wine

  • Possui 11 anos de mercado.
  • Faturamento de 400 milhões de reais por ano.
  • Mais de 1 milhão de clientes por ano.
  • Possui o maior clube de vinhos do mundo com 6 tipos de vinhos diferentes.

O que significa na prática colocar os “wineanos” em primeiro lugar:

Quando você define que o cliente está em primeiro lugar, o resto está em segundo para trás, sendo que os colaboradores são os principais responsáveis pelo produto chegar no cliente, deixar o cliente satisfeito com a compra etc. As pessoas mais importantes nesse processo são aquelas que fazem isso acontecer e a valorização do colaborador tem que ser verdadeira. 

Apesar desse modelo de pensamento, o cliente é “priorizado e vai ser sempre muito bem atendido”.

O time: A equipe da Wine é muito unida, são todos extremamente envolvidos e todos exercem aquele papel de dono.

“Errar não é uma coisa feia. O erro existe e tem que ser compreendido e você precisa aprender com ele para melhorar.”

Democratização do vinho através da conexão de pessoas:

“A melhor harmonização é com aquilo que você gosta, fazendo o que você gosta com as pessoas que você gosta.”

  • Lançamento do imposto zero (em parceria com postos de gasolina) para poder fazer com que o vinho chegasse a mais pessoas num preço mais acessível. 
  • Posicionamento dos vinhos com o preço correto.

“O vinho no Brasil é caro por causa de margem.”

Maiores perrengues:

  • Operação logística: A Wine foi criada já pronta para atender todos os CEPs do Brasil, queríamos logística rápida por conta do produto. Há uma pesquisa que diz que todo o vinho vendido, é consumido dentro de 34 horas.
  • Primeiro natal da Wine: foram 2 mil pedidos, tinha que embalar todas as caixas com um papel que era obrigatório para os correios e isso acabou escondendo o selo de “frágil” e quebrando mais da metade dos pedidos. 

Todos os projetos e iniciativas da Wine que chegam aos 70% são colocados para rodar e os outros 30% são construídos baseados nos feedbacks dos clientes. 

“Não tenho medo de errar e motivo o time a não ter medo também, vamos medir o risco e a cada momento que passa quanto menos a gente erra e quanto melhor a gente administra esse erro, mais vamos aprender.”

Team Wine: surgiu para mostrar que o equilíbrio é a receita para uma boa qualidade de vida e para desmistificar a questão que quem toma vinho não pode praticar esportes ou ter uma vida saudável.

Novo feature no App: plataforma que traz o cliente para ser o grande indicador da wine, fazendo com que outros degustadores e críticos sejam descobertos. “É uma forma de empoderar o cliente por ele ser um conhecedor e ter paixão por alguma coisa.”

Venda

  • “Comecei como vendedor, sou vendedor e vou continuar como vendedor. Minha grande paixão é essa profissão.”
  • “A primeira pessoa para quem precisamos vender é para si mesmo, todos os dias.”
  • A venda só existe quando duas pessoas se relacionam.
  • É preciso saber, ouvir e entender o timing.

Aprendizados sobre tecnologia:

“Tudo é possível, vai depender de quanto você quer investir e o tempo que você tem.”

“A Wine foi a primeira empresa a homologar o face commerce quando o facebook lançou a API.”

“Para mim, tecnologia é uma ferramenta para auxiliar no trabalho.”

“Tínhamos uma operação em tocantins, mas decidimos vir com todo o nosso estoque para vitória. Fizemos uma operação de guerra de 28 carretas de tocantins para vitória sem parar de funcionar nada”

Principal fator para a alta taxa de conversão e de recompra: investimento em um time de análise de dados.

“A rotina de liderar uma empresa é uma das ações mais solitárias que existe.”

De CEO a Presidente do Conselho:

“Foi difícil, mas eu estava certo do que precisava fazer.”

“A primeira dica que eu dou é você ter certeza, depois se preparar e ser o mais disponível e transparente possível.”

Dicas do Rogério:

Ouvir entrevista com Rogério Salume, da Wine, no Deep Growth

Ouvir entrevista com Rogério Salume, da Wine, no Deep Growth

Ouvir entrevista com Rogério Salume, da Wine, no Deep Growth

Ouvir entrevista com Rogério Salume, da Wine, no Deep Growth

>> Mais episódios
>> Aproveite SEMrush com teste gratuito estendido
>> Super Coffee com 15% off: use o cupom DGPODCAST

Quer se conectar com a gente?

Mineiro no Instagram: https://www.instagram.com/gabrielcmineiro/
Tahi no Instagram: https://www.instagram.com/tahidegmont/